quinta-feira, abril 10, 2008

Mais conversa insólita

- Aí, ele teve a capacidade de me dizer que eu não entendia nada daquele assunto.
- O QUÊÊÊÊ???
- Pois, é.
- Ah, pára a palhaçada, né?
- Ô! O cúmulo da audácia.
- Amiga, pára tudo vai. Assim não pode! Se tem uma coisa que não dá pra aceitar é homem subestimando a nossa inteligência!
- Exatamente.
- Pode chamar de feia, de gordinha, de maltratada, mas NÃO subestima a nossa inteligência, caralho!
- Er...gordinha pode?
- ALOW?? Vamos manter o foco, por favor???

7 comentários:

Telma K. disse...

Gordinha não... please!
Mas subestimar jamais!!

Anônimo disse...

eu lamento,
mas seu senso de humor foi péssimo,
não consegui esboçar um sorriso!

Myla_angel disse...

ahauahua
Opa! Eles realmente gostam de se iludir.
Ao contráio do nosso colega aí em cima, eu achei divertido seu post.

Abraaço.

Rachel Prochoroff disse...

Gordinha, até pode. Até mesmo se vier complementado por algo piegas (valha-me Deus!), do tipo, vc é o doce que acaba com o meu regime ! Até passa... com ressalvas (infindas!), mas passa...

Agora, subestimar a inteligência... Ah,isso é caso de homicídio amplamente justificado por legítima defesa. E eu te empresto o taco de beisebol, se vc quiser! ;-)

Anônimo disse...

Vocês estão querendo me matar mesmo, né?? E eu nem chamei ela de gordinha... Pelo contrário... :(
(onde será que eu deixei o telefone do meu psicólogo??...)
O Balconista.

Camila disse...

Ah, não... Gordinha não!

Dehynha disse...

Eu só quero saber se o taco de baseball entrega em domicílio... hehe (pago o frete!)